1. Home
  2. Notícias
  3. Nova temporada da animação “Que Corpo É Esse?” aborda temas da primeira infância de modo informativo

Nova temporada da animação “Que Corpo É Esse?” aborda temas da primeira infância de modo informativo

Estreia dos novos episódios, produzidos em parceria com a Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal, será no dia 21 de março, Dia Mundial da Infância

Publicado em 17/03/2022 09:00,
por Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal

Nova temporada "Que Corpo É Esse?"

A terceira temporada da minissérie “Que Corpo É Esse?” estreia no Canal Futura no próximo dia 21 de março, o Dia Mundial da Infância, data criada pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) para conscientizar famílias e governantes sobre a importância de garantir uma boa formação social, educacional e de valores para as crianças.

A nova temporada da série de animação foi produzida em parceria com a Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal — organização de referência na promoção de ações que colaboram para o desenvolvimento integral da criança, com foco na primeira infância — e apresenta histórias dos irmãos Ariel e Dandara, com seus pais, irmãos, avós e amigos, destacando as diversas formas de cuidados e maneiras positivas de educar e de se relacionar no cotidiano, de maneira lúdica e educativa.

Entre os principais temas abordados, estão os direitos dos bebês; o racismo como forma de violência, parentalidade positiva, redes de proteção, maus tratos e violência como punição física. A estreia será dia 21 de março, às 16h15, com exibição de todos os cinco episódios em forma de maratona, e ficará disponível também na Globoplay e Canais Globo.

Os temas se relacionam também com os abordados na última temporada de “Que Corpo É Esse?”, que conquistou o top 3 dos programas mais assistidos do Canal Futura nos Canais Globo em 2021. “A conexão das temporadas é estratégica para a consolidação do processo educacional, em que se busca, em cada nova série, lembrar os temas abordados nas produções anteriores, como também trazer um novo assunto que provoque e suscite um outro olhar e mais análises, que possam continuamente ampliar o debate sobre a violência contra crianças.” Conta Heloisa Mesquita, Gerente de Implementação no LEd - Laboratório de Educação na Fundação Roberto Marinho.

“Falar sobre violência infantil é uma necessidade que se impõe, entre outras coisas, pelo contexto cultural que atravessamos enquanto sociedade”, avalia Mariana Luz, CEO da Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal. “É uma felicidade para nós ter a credibilidade do Futura, com formatos inovadores e sensíveis de falar sobre primeira infância para as famílias, a fim de conscientizar e prevenir sobre o impacto da violência no desenvolvimento de nossas crianças”, finaliza Luz.

A série faz parte do projeto “Crescer Sem Violência”, parceria entre a Fundação Roberto Marinho, por meio do Canal Futura, Childhood Brasil e UNICEF Brasil, que tem por objetivo propagar informações e metodologias qualificadas para ajudar no enfrentamento das violências contra crianças e adolescentes, com ênfase nas violências sexuais, de modo informativo, atraente e sem expor as vítimas.

O Crescer Sem Violência atua em formações presenciais e à distância para capacitar educadores e profissionais da rede de proteção à criança e ao adolescente em todo o país, formando uma grande rede de prevenção e enfrentamento de casos de violência. Para isso, o projeto conta com a apoio de três séries audiovisuais - “Que Exploração É Essa?”, “Que Abuso É Esse?” e “Que Corpo É Esse?” – além de metodologias e cadernos pedagógicos.

Produzida pela Split Studio, “Que Corpo É Esse?” é composta por cinco episódios de aproximadamente três minutos cada, e um minidocumentário especial, que vai ao ar no dia 29 de abril, às 17h20. A programação faz parte de um conjunto de programações com o intuito de fortalecer a rede de atuação do Futura dedicada à Educação Básica, a fim de ampliar a representatividade das diferentes infâncias e adolescências nas telas e o alcance de atuação nos territórios brasileiros.